sábado, 11 de setembro de 2010

As cinco estações

.
.

Outono

“As coisas boas que fiz na vida talvez fiquem por aqui“, pensou. “As más, estas vão comigo, ao vento... se é que ainda está ventando.”

.

Inverno

Sou muito caloroso contigo, eu sei. Por isso mesmo é que estou partindo: não quero que te queimes no frio inclemente que começa a me tomar.

.

Primavera

A primeira e última vez que vi flores enfeitando o nosso lar foi no dia em que a encontrei com o moço que me trouxera um ramo de chifres.

.

Verão

----. .Muito prazer, meu nome não é o que me deram quando nasci, mas aquele que será, um dia, esquecido por todos.

.

Cantagalo*

Saltando do metrô na Estação Cantagalo. Atravessando o Corte. Pensando, bêbado: “Vai ver, cortaram tão fundo na pedra foi pra livrar os cabritos das cantadas do galo.”

.

----- . . . . . . ----- . . . . . . -----

.

.*O Corte de Cantagalo, no Rio de Janeiro, liga os bairros de Copacabana e Lagoa, e fica entre os morros do Cantagalo e dos Cabritos.

.

Imagem: do blog Balela, da escritora e fotógrafa Raíssa Medeiros.

.

58 comentários:

Valéria Sorohan disse...

A minha história com estações é que um dia o cão-guia de um cego me deu uma mordida na bunda, dentro da estação Clínicas do metrô.
De leve, ele só fechou a boca o suficiente. Nem rosnou.
Acho que ele queria que eu saísse do caminho.
Coisa de profissional.

BeijooO'

Bia Monteiro disse...

Adoreiiiii... hehe
Bjitos e bom fds!
=D

Heteronimos disse...

Obrigada pela visita!!!!
Gostei muito do blog
:)

Ri disse...

Ei, Seu Juca!
Gostei bastante do texto.
A foto até que é boa, mas essa tal fotógrafa anda muito metidinha com essas citações em blogs importantes.

Beijos Beijos.

Ricardo Novais disse...

"Atravessando o Corte", que frase incrível; o homem sempre atravessa montanha a dentro - pobre Morro Cara de Cão...

Puxa, Tuca; é tão imperdoável às vezes a minha preguiça de ir nos espaços alheios, fico deitado em minha rede e perco textos incrivelmente belos e divertidos como os teus.

* Ah, Loco Abreu fez o gol irregular no Pacaembu, ele estava impregnado dos espíritos parciais de Márcio Resende de Freitas e Túlio Maravilha; haha.

Um grande abraço.

Ira Buscacio disse...

Tuca,

Talvez, na época do corte, o galo cantasse e o cabrito berrasse, mas...

Depois, o galo no comando vermelho da sua crista espetada parou de cantar e começou a metralhar os maus cabritos. Os bons cabritos, que nunca berravam, esses foram salvos.

Hj, o galo anda mais no puleiro, mais tolerante e recebe até presidente e gente do estrangeiro

Alguém disse que: Homem de 5 estações, apesar de bebum costuma ser inteligente.

Adorei!

Bjocas

Gleice Ribeiro '-' disse...

Adorei o blog, adorei a postagem. Tudo bem lindo *-*

http://fantasticworldmy.blogspot.com/

Tuca Zamagna disse...

Sorte que o bicho era carinhoso, Valéria. Porque, pelo alvo escolhido, o cão do ceguinho não estava nem um pouco bem-intenciondo...
Beijoo0*

Valeu, Bia!
Pra você também.
Bjs

Obrigado, Heterônimos.
<:}

É isso aí, Ri. Essa moça tá um horror, cuspindo purpurina de tão besta.
Agora então, amando... sai de baixo!
Só posto coisa dela aqui porque, apesar de tudo, admiro sua sensibilidade e talento e... morro de saudade da bestice dela!
Beijos Beijos

Liga não, Ricardo. Nós alvinegros cariocas e santistas somos todos muitos preguiçosos. Acho que é o fastio de glórias...
Gol IRREGULAR???? É ilegar dar chapéu em goleiro do Santos? Já sei: só o Neymar é que pode fazer gol bonito...
Abraço

Celinha H disse...

Eu estava achando, Tuca, que você tinha gastado todos os seus contos de réis.
Que bom que não!

Esses são maravilhosos, mesclando bem o seu olhar lírico com esse humor implacável.

Beijos, querido!

Sil.. disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkk, Tuca..

Qué qué issoooo hehehehe.

Nem vou falar nada, a Ira disse tudo.

beijoooooooo

Tuca Zamagna disse...

Quando fizeram o Corte, Ira, o Cantagalo era praticamente desabitado. "Encostada" no Cabritos já surgia uma favela, a da Catacumba, mais tarde varrida do mapa por um governador prepotente que tivemos. Mas o perigo maior hoje habita e assombra o local da Catacumba: eu!
Bjs

Obrigado, Gleice!
Assim que sobrar um tempinho, chego lá no seu cantinho com calma.
Bjs

Não se esqueça que sou mineiro, Celinha. Tenho sempre uma reserva monetária embaixo do colchão.
Beijos


kkkkkk, Sil!
Nem vou responder nada, eu já disse tudo para a Ira.
E a Suzana já disse tudo sobre você!!!
Beijoooooo

Antonio Alves disse...

Muito bom, Tuca,
Eu nunca tinha me tocado que o Corte separou o "Galo" dos Cabritos. A obra deve ter sido reivindicada por alguma associação de proteção aos animais...
Abração

Aloisio Trobinski disse...

Excelentes essas estações. Principalmente a Primavera, pela floração do corno... hehehe

Tuca Zamagna disse...

Acertou em cheio, Antonio!
O Corte de Cantagalo era reivindicado pela APROCUCA - Associação de Proteção do Cu dos Cabritos...
Abração

Verdade, Aloisio.
Pra mim, os dois maiores filmes já apresentados pelo Discovery Channel foram “A floração dos cornos” e a “Arribação das sogras”.

Maria Paula Alvim disse...

rsrs... Pois é. Muito legal o seu blog, Tuca. Parabéns

Peteheana disse...

Alulong, kayong mga nananahan sa Mactas, dahil ang lahat ng mga tao na ginawa ng kalakal ay giba, ang lahat ng mga puno na may pera ay pupuksain.

Kinig, masamang tao!

Tuca Zamagna disse...

Obrigado, Maria Paula!
Passarei no seu blog para conhecê-lo.
Bjs

Cara Peteheana. Tenho alguma dificuldade de entender o seu idioma. Na verdade, só entendi uma palavrinha, quase no final do primeiro parágrafo: "pera".
Gosto mas não muito. "Pupuksain" seria pupunha? Se for, é comigo mesmo!
Kinig, masamang tao, pra você também!

Teresa Reis disse...

dei uma lida e o que o menos gostei foi o Outono.
aí reli e descobri que era o melhor.
mexeu tanto comigo que na primeira lida eu passara batida...

um abraço

Aline Chaves disse...

E a primavera está chegando. Pobre dos cornos! rsrs

Beijos

Americo Gentil disse...

Ótimos esses contos de réis, como os anteriores, Tuca.

Essa classificação temática ficou bem interessante. Por que não tenta outras, como os sete (ou oito) pecados capitais?

Abraços

Eliane F.C.Lima disse...

Muitas coisas para dizer hoje:
1.Surpresa pelo link de meu blogue, aí na esquerda. De lá, mando o pessoal para cá também.
2.Ler sobre o Cantagalo me deixou com o coração apertado de saudade, agora, aqui, em S.Pedro da Aldeia.
3. Só no Rio de Janeiro rola uma descontração desse tipo - uma mulher desfila nua tão naturalmente. O que se revela não é a mulher, mas a carioquice adorável de meu povo.
E eu olhei para essa praça tão pertinho da Dois de Dezembro, onde morei até há pouco. Ainda bem que vou ao Rio uma vez por semana. Volto com a mochila cheia da alma desse paraíso.
Eliane F.C.Lima

Tuca Zamagna disse...

É, isso acontece mesmo, Teresa. Comigo é muito pior: à vezes leva anos para a ficha cair. Sou capaz de me encantar relendo um texto que li há 10 anos e detestei.
Abraço

Pode ser, Aline. Mas, na verdade, há muito testa em que a inflorescência "chifral" dá o ano inteiro.
Beijos

Boa sugestão, Americo. Vou pensar nisso.
Abraços

Marcel Zaner disse...

rsrsrs podiam fazer um corte no Dois Irmãos também, pra acabar com aquela atracação incestuosa!

Abraços

Monica Peres disse...

muito legal!
acho que no próximo verão vou adotar essa forma de se apresentar

custei mas apareci né?

bjs, Tuca!

Lays Maia disse...

Adorei tudo por aqui, Tuca. Seu blog me proporcionou a oportuniade de ler coisas novas e originais. Às vezes, tudo parece tão igual por aqui... Sinto como se houvesse respirado ar puro.
Ah, e me sinto na obrigação de agradecer pro suas palavras. Fico extremamente honrada por ler coisas tão estimulantes vindas de alguém tão talentoso como você.
Sucesso, querido!
Beijos

Fernand's disse...

Tuca,
não pude deixar de rir muito com o trecho da primavera. rs Vc é sensacional!

Bjs meus

Renata (impermeável a) disse...

ainda digerindo o inverno...

Cristiane disse...

Olá tudo bem?
Há alguns dias vc visitou meu blog, agradeço pelo comentário. Hoje estou visitando o seu (estava meio ausente) e gostando do que vejo. Sobre a foto, pode usá-la!
Abraços...

Cristiane disse...

Adorei seu blog!
Há alguns dias vc visitou o meu e pediu pra usar uma foto... fique à vontade!
Abraços

Raíssa Momesso [SCCP] disse...

Estações vão além de tempo e/ou clima... estações são naturalmente poéticas e convidativas para escrever sobre =) nao conheço Cantagalo então não opinarei, rsrs vai que falo bobagem né?!

Djabal disse...

"O vento de primavera é como o vinho; o vento de verão é como o chá;
o vento de outono é como o fumo,
e o vento de inverno é como gengibre."

Anotei esse trecho da sabedoria dos chineses, e acreditei ver algo de complementar. Fica uma espécie de Antologia dos Sonhos.

Grande abraço.

Ricardo Novais disse...

Tuca,

Na verdade aquele gol do Loco Abreu no Pacaembu semana passada não deveria valer por causa de 1995, lembra-se? Eu não esqueço, maldito Márcio Resende que fez um pobre garoto chorar; rs. Aliás, todos os gols que o Botafogo fizer no Santos neste estádio serão para todo o sempre irregulares, hahaha.

Mas, fora este evento alvinegro inesquecível, vejo que o glorioso Fogão está chegando com força; graças, que seja Campeão Brasileiro este ano!

Um abração, excelente semana!

Maria Luisa Queiroz disse...

Benditos contos de réis, que voltam para encher a minha carteira da alma!... E esvaziar a minha bolsa de gargalhadas kkkkkkkkk

Beijos queridão!

Tuca Zamagna disse...

Caríssima mestra Eliane Lima!

1. Seu blog está no meu blogroll há meses, desde que conheci o Literatura em Vida, recanto aprazível do saber literário, de freqüência obrigatória para os que gostam de literatura.

2. Adoro o Cantagalo. Morei um tempo pertinho dele em Ipanema e sempre freqüentei a área boêmia dali. Mas minha paixão atual, desde 15 anos para cá, é o Morro Cabritos, que vejo diariamente, por sua face mais bela, a menos de 100 metro da minha varanda.

3. E já não é a primeira que desfila nua pela calçada do meu "escritório". Parece, bendito seja, que a moda está pegando!

4. Adoro a Praça São Salvador, minha pátria por eleição. A Rua Dois de Dezembro é uma das minhas prediletas na área, com seu imponente Castelinho, na esquina com a Praia do Flamengo, e o Museu do Telefone, hoje Centro Cultural Oi Futuro, para o qual venho tendo há muito anos o prazer prestar serviços.

Beijos

Cristiane disse...

Nossa, realmente, não prestei atenção e mandei o comentário aqui...
Mas aproveitando a deixa, vou reforçar a "autorização" ... fique à vontade.
Obrigada pelos comentários. Abraços

▒▓█► JOTA ENE disse...

ººº
Cantagallo, nao conhecia, rs

Fica aqui o registro

Tuca Zamagna disse...

Ótima idéia, Marcel. Mas perigosa: se a moda pega, logo vai aparecer um bando de carolas evangélicos querendo divorciar o Senhor Jesus Cristo Redentor de Santa Marta, cujo morro abunda aos pé do Corcovado.
Abraços

Custou mesmo, Monica. Não esqueça o caminho!
Beijos

Obrigado, obrigado... obrigadíssimo, Lays!

Valeu, Fernand's. Sensacional é o seu carinho!
Beijos nossos

Tuca Zamagna disse...

Então, Renata, que a primavera que está chegando lhe facilite a digestão e abra floridos apetites!
Beijos

A visita foi da Anga, Cristiane. Mas como seu comentário com autorização para uso de sua foto veio duas vezes, vou lá pegar uma foto pra mim também!
Beijos

Fale à vontade, Raíssa. Você escreve bem até falando bobagem!
Beijos

Os chineses são danados de sábios, principalmente com relação à natureza e ao tempo. Não é à toa que inventaram o hacai, essa forma poética sintética cujo mote sempre se situa numa das quatro estações.
Se um chinês saísse da Estação do Cantagalo, bêbado, olharia o Cantagalo e diria:
"O vento do Cantagalo é como os despertadores"...
Abração

Tuca Zamagna disse...

Agora eu entendi, Ricardo. Tenho o mesmo sentimento em relação a um gol ilegal com o qual o Fluminense nos roubou um título no último minuto do jogo.
Obrigado pelos votos de conquista deste Brasileirão. Desejo para o Santos o dobro disso, mas não agora: melhor depois que eu estiver morto...
Abração e excelente semana!

É um grande prazer gastá-los todos com você, Maria Luisa!
Beijos, queridona!

Mais uma vez, obrigado, Cristiane. Voltarei para pegar "minha" foto e dar mais uma boa revirada no seu baú.
Abraços


Valeu, Jota Ene. Estou precisando aparecer nos seus quatros ótimos blogs. Ou será que já são mais?
Abraço

Angélica Lins disse...

Vim agradecer o seu delicado comentário e dizer que um imenso prazer tê-lo por lá.

Seu blog tem humor, inteligência e poesia - Misturas INFALÍVEIS!

Um terno abraço.

Zatonio disse...

Rapaz, que beleza isso aqui, a frase do verão é um primor. Obrigado pela visita lá no blog, estarei sempre bisbilhiotando por aqui, um local de união perfeita: talento + Botafogo. Ah, dá uma olhda na crônica que fiz sobreo Botafogo: http://zatonio.blogspot.com/2010/05/botafogo.html Saudações, gloriosamente, alvinegras. abraço!

Thiago Quintella de Mattos disse...

Uahahaha! Boa, poético! AS melhores relexôes vêm desse estado, desse corte epistemológico e cultural de nossas mentes!!

Clara Belisário disse...

Eu estava indo até muito bem pelas suas estações, Tuca, mas esse verão me torrou os miolos. Voltei pra cama... sem saber se me chamo Casca ou Gema!!!

Beijos!

Tuca Zamagna disse...

O prazer é meu, Angélica. Me deliciei com seus textos.
Obrigado, obrigado, obrigado!
Um terno abraço (gostei disso!)

Valeu, Zatonio!
Sou mais o Fogão que o meu talento, que ainda está brigando pra não cair pra Segundona!
Passarei lá ainda hoje.
Glorioso abraço!

Corte epistemológico de bebum, Thiago, é poderoso: vão-se as sobrancelhas, o nariz e as orelhas num simples barbear-se!
Abraço

Volte pra cama mas não se cubra, Clara, Casca ou Gema. Se esquentar demais, das duas uma: ou você vira pinto ou vira omelete!
Beijo

Clara Belisário disse...

kkkkkkkk Se virar pinto, da duas uma... ou cresço e viro galinha ou cresço e corro atrás de mulher! kkkkkkkkk

Beijos!

Clara, Casca ou Gema...

Deco disse...

Outono, Inverno e Verão são do caralho!

Primavera e Cantagalo são do xixi nas calças!!!

Abração

Tuca Zamagna disse...

Seja como for, o seu verão será quente, Clara!

Valeu, Deco!
Abração

Antonio Alves disse...

Não sabia da existência da Aprocu. Deve ter sido pioneira da consciência eculógica...argh... foi mal...

Antonio Alves disse...

Não sabia da existência da Aprocuca. Deve ter sido pioneira na conscientização eculógica...argh... foi mal...

Regina Conde disse...

Adorei, Tuca!

Só você pra "descobrir" o motivo de terem feito o Corte de Cantagalo...

Um beijo

Derah disse...

Mui hermoso!

Un saludo

Tuca Zamagna disse...

Liga não, Antonio. Acontece cu qualquer um.

Pois é, Regina eu pesquiso muito quando bebo.
Beijo

Gracias, Derah.
Un saludo

Jaime Guimarães disse...

Ao menos para mim as estações do ano são bastante indefinidas. Mas se é possível uma mistura deste outono com este inverno, seria algo deste tipo uma estação atual para mim. Mas depois do inverno vem a primavera - não esta com chifres, mas a que se diz "das flores". É possível que bata um arrependimento com aquele frio. Um agasalhozinho talvez resolvesse...

Se é que ainda está ventando.

Você chegou a esta conclusão bêbado? Acho que ainda conservava alguma sobriedade por aí. =)

Abs!

Anita disse...

"A primeira e última vez que vi flores enfeitando o nosso lar foi no dia em que a encontrei com o moço que me trouxera um ramo de chifres. "
Simplesmente perfeito!

www.valvulaaberta.blogspot.com

Blue disse...

Ai Ai, Folha de goiabeira dá sudades!
Em qualquer estação.
Blue

lilialvestilo disse...

Olá Pessoa que transbordaídoRio! Este post foi realmente perfeito. Beijo!

Natália Augusto disse...

Amei as definições poéticas das estações do ano.
Gostei muito de seu blogue.

Nathalie

:)

Tuca Zamagna disse...

Mesmo na primavera, Jaime, nem tudo são flores. Há que se combater preventivamente pragas nos canteiros da testa.
Quanto à conclusão sobre o Corte de Cantagalo, posso garantir que eu estava 100% bêbado. Se bebesse mais um milímetro de dose, sairia pelo ladrão.
Abraço

Obrigado, Anita!
Bjs

Saudades de folha de goiabeira, Blue? Não entendi isso, não. Veja lá, hem!
Abraço

Obrigadol Lilian, pessoa que transbordaaídoTietê!
Beijo

Obrigado, Natália. Seja bem-vinda!
<:)