segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Unidos para sempre


.

UNIDOS --- atracados, fundidos, simbiotizados... --- .PARA SEMPRE

... ATÉ QUE A BENDITA MORTE OS APARTE! .

.

Fonte da imagem:. http://constantinbutuc...blogspot...com

.

22 comentários:

Thiago Quintella de Mattos disse...

Foto e palavras da realidade, beirando o real!

Sil.. disse...

hahahahaha, amém!

Quanto tempo sem passar aqui...

Um dia, dou um jeito nessa minha vida tresloucada, de tanta falta de tempo.

Um abraço Anga!!

Aloisio Trobinski disse...

kkkk Você é realmente um canalha do bem, Teophanio! Abs

Elaine Berti disse...

Kkkkkk. O duro é quando a bendita morte demora a vir , aí meu caro o melhor jeito é um bom advogado mesmo. kkkkkkkkk. Abração pra vcs!!! ^__^

Teophanio Lambroso disse...

Ainda bem que apenas BEIRANDO o real, não é, Thiago?

Não gostei, Sil. A Anga, a Elza e o Tuca vivem cobertos de abraços e beijos dos nossos leitores - e principalmente, das nossas leitoras! E o pobre do Teopha aqui fica só chupando dedo. Chupo os vinte em todas as minhas postagens. Pura perseguição, só porque sou lindão!!!

Felizmente existe você, Aloisio, pra salvar a minha pátria. Por acaso, amigão, você não tem uma irmã ou prima mais ou menos lindíssima e gostosona dando sopa?

Patrícia Gonçalves disse...

Teo, por conta disso te dou um beijão, não sou assim tão gostosona, mas adoro sopa!!!!

Adorei o post!

Marcel Zaner disse...

Homens românticos como você, Teopha, são fundamentais para a sobrevivência da espécie humana!

Teophanio Lambroso disse...

Ora, minha cara Elaine, a morte até pode atrasar, mas advogados nunca adiantam...
Aceito, e retribuo, com enorme prazer, o seu abração, que não dividirei com ninguém aqui!

Isto é que é mulher de verdade: Patrícia Gonçalves, protetora dos canalhas-do-bem abandonados!
E não se subestime, minha querida. Uma gostosinha tem alto valor nutritivo e baixo teor calórico, dando portanto a sopa mais indicada para um garotão cacarecado como eu. Beijões!

Eu bem que me esforço, Marcel. Ainda bem que tenho alguns leitores justos como você, que me estimulam a prosseguir nesta cruzada pela preservação da sacrossanta canalhice.

Folhas de Andreza disse...

Agradecendo por estar entre as folhagens...Obrigada. Vou ficar e ler com mais calma...bjks doce no ♥ de cada um..rsrs,Andreza.

São disse...

Que engraçado, eu comemorei os cinquenta e cinco anos de um casal lá em meu espaço: esperemos que este casal os consigam celebrar também.

Boa semana.

Regina Artes disse...

E que seja uma a vida a dois bem vivida, que aí nem a morte vai separar...

Beijos!!!

Jenny Paulla disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
muito bom!

Teophanio Lambroso disse...

Eu é agradeço, apetitosas Folhas! Adoro beijos no meu combalido coração de canalha romântico...

Parabéns ao seu heróico casal de amigos. Quanto a este aqui da foto, temo que não chegue a 55 anos de união: se já não passou, o trem está prestes a passar...

Vá lá que assim seja, Regina. E no bom sentido. Porque nos casamentos que duram, em geral a morte chega e o casal continua por aqui, bestando, como se vida ainda houvesse, né?

Teophanio Lambroso disse...

Bela Jenny Paula, a risada mais gostosa que aduba a vaidade do velho Teopha!

Maria Luisa Queiroz disse...

Você é cruel, muito cruel, Teopha! Acaba de implodir os sonhos cor de rosa de uma donzela casadoira como eu, na flor de minhas 44 primaveras!
Beijinhos tristinhos

Aline Chaves disse...

É, Teopha, casamento costuma ser isso mesmo: um trem doido que atropela a gente.
Beijo

Teophanio Lambroso disse...

Perdão, Maria Luisa, mil perdões! Se arrependimento matasse... disso com certeza eu não morreria. Perco a leitora, a amiga, a admiradora, mas não perco a piada.
Bem, também tenho um lado bonzinho, que lhe recomenda: fique tranqüila que um dia você há de realizar seu sonho de se casar, mesmo que isso demore mais umas 50 primaveras!
Beijões alegrões

Esse trem atropela mesmo, Aline. A mim, atropelou quatro vezes! E olha que eu nunca andei na linha...
Beijo

Anerico Gentil disse...

Sublime, Teophanio! Pura doçura e meiguice...

Abração

aluisio martins disse...

lugar de inteligência que farta...
falta por aí, sobra aqui...
gosto disso
abs

Teophanio Lambroso disse...

Obrigado, Amnrico. Gentileleza sua dizer que o post é sublime, mas doce e e meigo eu sou mesmo.
Abração

Inteligência temos de sobra mesmo, Aluisio. Mas só por falta de quem queira pagar por ela. Hoje em dia, a burrice é mais procurada pelo mercado.
Abs

frô disse...

Morte???
significados varios...
no caso, penso melhor...
"unidos para sempre, até q a vida os separe".

e ela é muito mais forte q a morte...
e se nem todo mundo vive, tb é verdade q nem todo mundo morre.

Teophanio Lambroso disse...

É isso mesmo, Frô. Viver a vida EM VIDA, infelizmente, é para poucos. E sobreviver à morte, então, é para raros, raríssimos, né?
Bjs