domingo, 20 de dezembro de 2009

Parabéns, Antonio Claudio!

¨
Por amizade, a gente releva
até nome mais para palavrão




Um cara com um nome desses só merece pêsames de aniversário. Mas sou um sujeito tolerante e generoso com meus amigos, e faço aqui uma despropositada homenagem a esta besta que carrega, a partir de hoje, 60 toneladas de 365 dias. O desenho acima (ou ao lado ou embaixo, sei lá) foi cometido por um inimigo íntimo comum, o Aranha, nefando habitante das cavernas jurássicas da Tijuca. Não duvido nada que este canalha o tenha montado com pedaços de desenhos feitos para outras pessoas. Mas, sendo para o pacóvio do Antonio Claudio, já está de bom tamanho.
¨

13 comentários:

Cla Leal disse...

Tutuca, nao posso te desejar meus pêsames... ao 60 anos, se equlibrando com tanta desenvoltura em uma corda bamba, segurando um guarda-chuva??? Tá bom demais, nao tá? Parabéns para você! Tudo de bom, sempre!! Ainda nao estou no Rio, mas depois comemoramos seu grande dia!! beijinhos

Paulinho Saturnino Figueiredo disse...

Velho Tuca, amigo querido, ou muito me engano, ou essa é a terceira ou quarta vez que você se envolve numa auto-comemoração de 60 anos. Deixe-me ver. Estou com 61 e meio, ainda era semi adolescente e você já se apresentava como homem feito, fantasiando histórias de andanças e conquistas. Nem para aquelas bananeiras de Iriri, alcance máximo da expressão da sexualidade de então, você ligava mais. De todo modo, parabéns, seja feliz, e continue esse amigo dileto. Beijão. Em tempo: que lindeza essa homenagem do Aranha.

Anônimo disse...

Eu achava que vc era bem mais velho e relevava seu desequilibrio atribuindo-o á 'essas coisas da velhice'...
Mas na flor dos sessenta, sinceramente, Antonio Claudio,tá feia a coisa...
Faz aí um recall, diz que houve um engano e que tá comemorando 72.
VAi ficar melhor na foto.
Boa sorte e felicidades no ainda te sobra.

Tô fora

Norminha

Tuca Zamagna disse...

Valeu, Cla, uma das três melhores fotógrafas do mundo do meu coração adolescente!

Valeu, Paulinho, um dos três melhores fotógrafos do mundo do meu pau vegetariano! Dois reparos: sua desmedida tolerância com o Aranha o impede de perceber que esse guarda-chuva aí o crápula o roubou de sua filha Laila; nunca desprezei as bananeiras, tanto que continuo comendo uma delas até hoje, a Norminha, aquela magrela celulítica do mau hálito, lembra da peça?

Guilherme disse...

Passou-se um dia de seu aniversário, mas isso não é nada comparado a todos os que o separam de seu nascimento.
Espero que perdoe meu atraso; de qualquer maneira conto com os eventuais lapsos de memória tão comuns na sua idade e vc não se aborreça tanto!
Um beijo enorme!!!!!!!
Guilherme T

Anônimo disse...

A norminha não te merece. Come ela mais não!
qualquer coisa tamos aí.

judite
ps (MEU TELEFONE CONTINUA O MESMO)

Solange disse...

Oi, querido. Tava viajando ontem,mas hoje ainda é dia de lhe mandar um bjão bem grandão. Solange.

Carmen disse...

Tuca .. equilibrando na corda bamba dos 60 anos, que nem o bebâdo do equilibrista .... Agradece ao Aranha a singeleza do desenho, achei lindo! Agradece a quem escolheu o nome do Antonio Claudio: nome de gente nobre de sentimentos neste mundo tão sem graça de afetividades ... Terá sido a estrela solitária do Tio Zeca? Aliás, ele comemorou com vc os 60 anos?
bjs

Marilia disse...

Olá Tutuca
Vc já fez 60 anos? Nem parece, com esse corpinho de 59...O chopp faz milagres...
Parabéns, beijos, tudo de bom!!!!
Marilia ( e flavio, do andar de cima)

Coral disse...

Oi Tutuca, não dá pra desejar mais sessenta..ou será que dá!? O atraso dos parabéns é compensador,assim vc. comemora de novo!Vem chegando o verão...
Bjks.
Regina

Tuca Zamagna disse...

Mestre Gui. Para seu azar, os meus lapsos de memória nunca abrangem os atos das pessoas que me importam. Seu crédito comigo é tão grande que lhe dá, no mínimo, o direito de deixar um furo por dia pelos próximos 60 anos.

Judite. De fato, seu telefone continua o mesmo. Ocupado o tempo todo.

Sô. Todos os meus dias são dias de receber beijões bem grandões.

Carmem. Meio a contra-gosto, darei o seu recado a quem inventou esse raio de nome. Ela chegou ontem de Porto Alegre, com seus 93 aninhos na bagagem. Tio Zeca não deu as caras não, mas deve ter enchido a caveira de pinga junto com meu pai e outros cinco irmãos em algum pé-sujo lá de cima.

Faz, sim, Marilinha. Com você, principalmente, que conserva seus 35 anos há pelo menos 20 anos de chopadas. (Flávio, seu puto. Filar pinga do meu véio e dos meus tios, tudo bem. Mas vai tirando essa mãozinha das coxas da minha avó!)

Regininha Coral. Mais 60?... Acho que, se surgir uma mulher disposta, dá, sim. Mas vou levar pelo menos o verão inteiro pra dar as 60 todas.

22 de dezembro

Anônimo disse...

Aranha, meu bom, velho e sempre novo amigo.
Imperdoável ter deixado passar essa data tão importante. Espero que vc ainda aceite os meus parabéns, afinal não é todo dia que se comemora 60 anos.
Não vou te desejar mais 60 não, você não merece isso, mas desejo que os seus sonhos se realizem...
Com carinho. Te amo.
Bjs
Zeza

Tuca Zamagna disse...

Bela surpresa, minha querida Zeza por aqui! Ela que não tem tempo pra nada, muito menos pra entrar na internet.

Se os meus sonhos se realizarem, espero que você continue do meu lado. Não só para saborear o montão de coisa boa que vai rolar, mas também pra enfrentarmos juntos as alcatéias de filhos da puta que vão querer me linchar!

Beijão